As novas armas do Google contra a Apple

Gigante digital planeja abrir loja e lançar aparelho para expandir as frentes de disputa contra a rival

O Google planeja abrir a sua primeira loja física própria. O espaço ficaria no quartel general europeu da companhia, na cidade de Dublin, de acordo com um pedido registrado em 23 de janeiro pela empresa da mais popular ferramenta de buscas na Internet do planeta.

A Google Store seria aberta ao público geral e venderia produtos com a marca Google, de acordo com um requerimento feito pela unidade da companhia na Irlanda. Situada no mesmo quarteirão do escritório de Dublin, na Barrow Street, a loja teria 123 metros quadros, incluindo aí um mezanino desenhado especialmente para chamar a atenção de quem passa pela região.

O varejo pode ser uma frente do Google na disputa contra a Apple, cujas 361 lojas têm turbinado as vendas de iPods, iPhones e iPads. Maior player do segmento de sistemas operacionais de smartphones, o Google está concluindo a compra da fabricante de aparelhos Motorola Mobility Holdings Inc. por US$ 12,5 bilhões. A aquisição será essencial para a concorrência com os telefones da Apple e os softwares da Microsoft.

“Realmente estamos trabalhando com a opção de abrir uma loja física, examinando todas as potenciais formas de uso”, afirmou a companhia sedeada na Califórnia em um comunicado enviado por email. “Mas ainda não tomamos nenhuma decisão.”

Experiências anteriores

De acordo com o Daily Telegraph, em outubro do ano passado, o Google abriu um pequeno espaço dentro de uma loja da Currys and PC World, em Londres, um teste para a venda de laptops funcionando a partir do sistema Chromebook, desenvolvido pela companhia.

Em sua sede na Califórnia, o Google também mantém uma loja para vender produtos com o logo da empresa, mas o espaço não é aberto ao público. O site googlestore.com tem um portfólio eclético de produtos, de babadores para bebês a notebooks.

Avançando também em hardware

Paralelamente a notícia da loja em Dublin, o Wall Street Journal publicou a informação de que o Google está desenvolvendo um sistema de entretenimento wi-fi que distribui música pela casa toda. Seria o primeiro aparelho eletrônico 100% desenvolvido e comercializado apenas com a marca Google.

A empresa não comentou as informações.

Até aqui, as iniciativas do Google em hardware ficaram restritas à parcerias com fabricantes de celulares, na época do lançamento do sistema operacional Android, e à plataforma Google TV, embarcada em alguns modelos de televisores da LG e da Sony.

Com informações do Advertising Age

Fonte: M&M

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s